O que impulsiona os pequenos produtores?

Um das formas dos pequenos produtores, estilistas independentes,  artesãos e designers de acessórios comercializarem seus produtos sem investir em lojas físicas e gastar rios de dinheiro com infraestrutura, são os eventos locais. Aqui no Rio de Janeiro,  acontecem eventos bem marcantes com o sentido de  impulsionar as vendas para estes profissionais. São bazares, feiras de antiguidades, feiras de moda que  proporcionam vendas offline e contato com o público.

Dentre estes eventos, um que é bem especial é o Hashtag Bazar Plus Size. As labels que participam são voltadas para o público plus size e é uma oportunidade e tanto de comprar de quem faz peças únicas. Além de tudo que acontece ao redor: palestras, músicas, comidinhas e bate papo tudo junto ao mesmo tempo.

Na minha opinião, este evento é uma mão na roda para os pequenos empreendedores  que precisam vender seus produtos, lançar e difundir a sua marca. São empreendedores que resolveram viver do que amam, do seu trabalho criativo na moda, na arte, na criação de acessórioas ou culinária. Funciona, como uma vitrine temporária sem o investimento alto de uma loja tradicional.

Quem começa a empreender, quer tudo pronto: de estrutura a decoração, mas de acordo com o Conrado Adolpho, isso é um erro. Quando você investe uma valor alto seja com o seu próprio dinheiro ou empréstimos da familia ou banco, este pequeno negócio já começa com dívidas, então você começa a trabalhar para pagar estas dívidas e as contas que comçam a vencer em 30 dias. O estresse é inevitável.

Muitos negócios já existem na internet, mas acredito fomentar este micronegócio offline também é fundamental para aumentar as vendas e aumentar o fluxo de caixa.

Sem contar que é empreendedorismo na veia: desde a organizadora do evento aos criadores e vendedores. Alguns podem até dizer que são apenas criativos mas são empreendedores também. Precisam aprender a lidar com a sazonalidade das vendas, com o financeiro, atendimento ao cliente, divulgação mesmo que superficial , além de produzir, criar, inspirar, pensar no design da embalagem, valores forma de pagamento e por aí vai.

Então, fica aqui meu convite para  o Hashtag Bazar e vamos juntas comprar de quem faz.Impulsionar o empreendedorismo feminino e comprar do pequeno;)

Hashtag Bazar

Este é o panfleto de divulgação do evento tirado da fanpage  . Aproveitem para curtir!

Joyce Coeli

Joyce Coeli

Assistente pessoal online

social joycecoeliassistentepessoal

instagram joycecoeliassistentepessoal

icon-3468 falecom@joycecoeli.com.br

Anúncios

Hash track ou como controlar sua produtividade em horas

O meu maior desafio trabalhando com assistente pessoal remoto é qualidade do tempo e gestão da produtividade  ou seja  marcar o tempo gasto numa tarefa.

black-and-white-hand-vintage-numbers

Eis que encontrei um aliado nesta missão, o Hash track é uma ferramenta online perfeita para quem precisa ter um controle sobre as horas trabalhadas.

Com o sistema é possível cadastrar projetos, casdastrar as tarefas referentes ao projeto e cronometrar as horas trabalhadas em cada etapa. No fim do dia, você pode exportar este relatório para uma planilha e pronto, pode ser apresentado ao cliente as horas faturadas.

As funcionalidades existentes no Hash track tem me ajudado bastante. No momento, estou usando o plano Free, que me atende bem. Eu posso cadastrar 3 projetos, exportar relatórios, usar Tags de apontamento, cadastrar clientes , tags do projeto  porém apenas 1 usuário. O plano free, é limitado mas ideal para freelancers e consultores independentes.

A medida que demanda for crescendo é possível fazer um upgrade no seu pacote e por R$ 19,90 mensais por usuário, todas as funcionalidades estão liberadas.

Hoje em dia temos diversas ferramentas a nosso dispor para prestar o melhor serviço possível, mas sabemos que encontrar uma que te atenda é uma longa caminhada. Com o Hash track  você consegue organizar suas horas trabalhadas e o mais importante utilizar seu tempo com qualidade.

No  site  você pode se cadastrar e começar a usar já.

Ah! Não posso deixar de mencionar que o atendimento da empresa  é super atencioso, sempre quando eu sumo da platafomra eles me ligam pra saber se tá tudo bem.

Atendimento excelente com uma ferramenta perfeita.#goprodutividade

Até mais!

Assistente pessoal online - Joyce Coeli

Joyce Coeli

Assistente pessoal online

social joycecoeliassistentepessoal

instagram joycecoeliassistentepessoal

icon-3468 falecom@joycecoeli.com.br

Maternativa: uma plataforma voltada para mães empreendedoras

Empreendedorismo  materno, você já escutou esta expressão? Ela é usada para definir as mulheres que depois de se tornarem mães,  encontraram dificuldades para voltar ao mercado de trabalho ou simplesmente optaram por trabalhar com algo, que além de ser sonho, é mais flexível para cuidar dos filhos.

Empreendedorismo materno

A Maternativa, é uma plataforma que nasceu exatamente desta necessidade. Criada por duas amigas que descobriram a gravidez juntas, Ana Laura Castro e Camila Conti,  a plataforma tem o objetivo  além de criar conteúdo e trocar de experiências, fomentar o empreendedorismo materno. Liga mães empreendedoras que prestam serviços ou comercializam produtos  e a ideia é que e ajudem umas as outras compramdo e contratando entre si.

A plataforma conta com mais de mil empresas inscritas e para se cadastrar, você precisa ser mulher (cis ou trans)  e participar do grupo fechado no Facebook e precisa ser mãe. É meio óbvio isso, porém achei interessante ressaltar, porque muitos grupos no Facebook de troca de experiências entre mães, aceitam mulheres que não são mães também. Já o Maternativa é único e exclusivo para mamães empreendedoras 😉

Se você quer contribuir para o crescimento e fortalecimento destes negócios, dentro do site é só pesquisar por negócios feitos por mães e comprar ou contratar destas mulheres.

Eu busquei  por bolsa no www.maternativa.com  e  muitas marcas bacanas apareceram.

Vamos fortalecer este empreendedorismo materno?

Até mais.

Joyce CoeliAssistente pessoal online - Joyce Coeli

Assistente pessoal online

social joycecoeliassistentepessoal

instagram joycecoeliassistentepessoal

icon-3468 falecom@joycecoeli.com.br

Negócios criativos, networking e troca de experiências.

Neste último sábado, foi dia de participar do Evento Desenvolva um negócio Imbatível.  O workshop aconteceu em Copacabana e foi realmente gratificante conhecer negócios criativos, inovadores e, com  mulheres fortes à frente.

Durante o evento, trocamos ideias sobre Business Model Canvas, Marketing Digital, Mindset empreendedor, Técnicas de Elevator Pitch e Motivação.

Participar de eventos, além da aprendizagem e experiências trocadas é fundamental para construir seu networking.

Networking é uma palavra que você escuta bastante quando começa a pesquisar sobre empreendedorismo, significa sua rede de contatos. Aquela rede de contatos que você pode trocar experiências, contatos e informações e te  ajuda bastante quando você disponibiliza o seu novo projeto, serviço ou produto no mercado. São estas pessoas que vão te indicar, usar seu produto ou serviço e te dar feedback.

No workshop Desenvolva um negócio Imbatível não poderia ser diferente. Conheci mulheres  que estão a frente do seu negócio, administrando, trabalhando em jornadas duplas, já que muitas estão empreendendo part time, e super empolgadas a alcançar o sonho do seu negócio com propósito.

Dois dos projetos que conheci por lá já estão a todo vapor:

Traços de Minas

traços de minas

Imagem do Facebook da Traços de Minas

Conheci a Josy, a mineira de JF que junto com sua equipe, está a frente de um espaço colaborativo, educacional e cultural para artesãos. Além das lojas para vender seu produto a Traços de Minas, os artesãos ainda podem participar de oficinas e workshops para refinar ainda mais suas técnicas ou aprender algo novo.

Confeito Design

Confeito design

Imagem do Facebook da Traços de Minas

A Julia Borges está a frente desta marca de cupcakes  e brownies. infelizmente não experimentei o cupcake ainda, mas pelo feedback dos clientes da Julia que também estavam no evento”é o melhor cupcake do Rio”. Quer avaliação melhor que essa?

O que estes negócios tem em comum?

Vão ao encontro das estatísticas, que de acordo como este estudo do Sebrae  , as mulheres representaram 49% de empreendedores iniciantes no Brasil em 2015.

Além das estatísticas, o fato de ser negócios geridos por mulheres que escolheram ter um trabalho com seu propósito e se dedicam para suas ideias sejam fortalecidas e possam ganhar dinheiro com aquilo que amam fazer.

O empreendedorismo feminino é uma realidade  e fico muito feliz em fazer parte disso.

Se você quiser saber o pouco mais sobre o evento só acessar o blog Ramon Barbosa Coach.

Joyce Coeli

Joyce Coeli

Assistente pessoal remoto

social joycecoeliassistentepessoal

instagram joycecoeliassistentepessoal

icon-3468 falecom@joycecoeli.com.br

 

Justificar os erros mas sem solução: realmente funciona?

Será que somente justificar um erro e não apresentar uma solução, realmente funciona?

A verdade é que estamos tão acostumados a nos justificar que já presenciei diversas vezes, de empresas grandes ou pequenas, uma justificação para um problema relatado ou uma questão levantada pelo cliente.

Se tem uma coisa que eu adoro e usos muito é o IFood. Outro dia,  fui cair na besteira de olhar as avaliações dos restaurantes e aconselho não faça isso se você está com fome. Você desiste na hora de pedir qualquer coisa em qualquer lugar.

customer

A história era o seguinte: uma cliente avaliou um restaurante e informou que o motoboy não havia levado o troco, relatou que faltou uma parte do pedido e ninguém resolveu. A resposta do restaurante não poderia ter sido melhor, só que não.

“Minha senhora, no dia em que fez seu pedido, o motoboy esqueceu o troco em cima do balcão e também verificamos que não houve erro em nenhum pedido que saiu daqui’

A meu ver, pode e deve se justificar com o cliente, mas em primeiro lugar traga a solução, agradeça por ter reclamado e resolva. Mesmo que você não concorde. O cliente reclamou da sua empresa, dos seus serviços, do projeto da sua vida, como assim você vai justificar da maneira mais esdrúxula possível e esperar que ele volte?

Esta reclamação no IFood, poderia ter sido tratada da seguinte forma:

Olá (nome da cliente), obrigada por nos notificar. Sinto muito pelo ocorrido e verificamos que realmente esquecemos de enviar o troco, mas isso não irá se repetir. No mesmo dia enviamos um outro motoboy com o troco, conforme combinamos. E quanto ao pedido errado, na próxima compra enviaremos um sanduíche da sua escolha como cortesia. Desculpas!

Bom, isso é o que eu faria, pode ser que não funcione pra todo mundo ou pra todas as pequenas empresas, mas já dizia minha vó, um pouquinho de cortesia ( e café quentinho)não faz mal a ninguém.

Uma vez, num curso de Atendimento ao Cliente, da FGV, a professora disse uma coisa que carrego pra vida: o cliente tem as suas razões, então cabe a você alinhar expectativas, atender e entender o problema do cliente, tomar pra si e resolver. Afinal, se você tem um negócio, cliente é importante. Apesar de alguns estabelecimentos acreditarem que o cliente está prestando um favor.

Moral da história, fechei o IFood e comi sanduíche de queijo.

Até mais!

Joyce Coeli

Joyce Coeli

Assistente pessoal remoto

social joycecoeliassistentepessoal

instagram joycecoeliassistentepessoal

icon-3468 falecom@joycecoeli.com.br

 

O que é uma assistente virtual? Como este profissional pode ajudar o meu negócio?

Um assistente pessoal online ou assistente virtual, é um profissional freelancer normalmente com experiências em serviços administrativos e pessoal.

Este tipo de serviço geralmente é prestado a partir de um home office e, para que as tarefas solicitadas sejam realizadas, utilizamos as diversas ferramentas que a internet disponibiliza: Hangout, Skype, emails, facebook e principalmente Whatsaap.

O espaço de trabalho de um assistente virtual, é desenvolvido pelo próprio profissional e deve contar com telefone, computador, itens básicos de papelaria, conexão de internet. basicamente tudo, para que possa dar o suporte necessário para o contratante.

Ao contratante, cabe apenas delegar a tarefa e efetuar o pagamento 😉

DOT1T5II2J

O que um assistente pessoal online/ assistente virtual pode fazer?

O leque de opções é bem grande. Basicamente, pode fazer qualquer coisa que possa ser realizado através da internet e telefone. Como eu disse, o leque de opções é enorme: marketing digital, produção de conteúdo, desenvolvimento de sistemas, social media, pesquisas, entrada de dados, preparação  de documentos, orçamentos diversos, emissão de notas fiscais, cadastros em CRM, Logística, contabilidade, assistência para organização de viagens, marcação de consultas, organização de pequenos eventos…ufa!

Existem profissionais especializados em diversas áreas, trabalhando como assistentes online. No meu caso, o foco é para os serviços administrativos do seu home office/ micronegócio ou assistência pessoal (como uma secretária particular mesmo). 

Pense assim:

Não quero perder tempo com isso, posso delegar? 

Muitos médicos, por exemplo, trabalham sozinhos, em diversos lugares e com diversas agendas. No momento de organizar esta agenda , se perde muito tempo então este médico pode contar com um assistente online para ajudar. Muitos consultórios possuem apenas uma secretária presencial, quando esta profissional precisa se ausentar por algum motivo, rapidamente pode ser contratado uma assistente pessoal online para cumprir a agenda e auxiliar o médico, dentista, psicólogo.

Estou muito ocupado para isso, posso contar com quem resolve?

Muitos empreendedores estão neste caminho sozinhos e precisam se preocupar  com o essencial do negócio, como: planejamento estratégico, mercado, concorrentes, finanças e isso o torna bem ocupado no decorrer do dia a dia, certo? O empreendedor foca no que interessa e delega para um asssistente  a atenção aos clientes nas redes sociais, a resposta por email sobre pedidos, a emissão de notas ficais. A ideia, é que o dono da coisa toda, não se preocupe com a rotina administrativa, como por exemplo o pagamento de contas, orçamento de novos materiais ou contato com a operadora de telefonia.

Você não quer fazer isso, quem pode resolver?

Eu trabalho com gestão de escritórios e atendimento ao cliente desde sempre. Sei o quanto tem  tarefas administrativas que requerem mais tempo, dedicação e empenho. Pense o seguinte: se você puder delegar uma tarefa  dessas para algúem agora, o que seria? Eu trabalhei em uma empresa, que eu tenho certeza, que para meu empregador da época, a resposta seria pagar as contas em dia e falar com a empresa de telefonia(ele perdia muito tempo com isso). Vai de acordo com o seu negócio e o gap no processo diário e administrativo.

office-freelancer-computer-business-38604

Benefícios de uma assistente pessoal online.

  • Reduz o stress: você trabalha em um pequeno negócio, home office ou num espaço de coworking.Trabalha sozinha(o) e precisa se dedicar tanto a atividade fim do seu negócio quanto as tarefas administrativas burocráticas. Se precisa se ausentar, viajar, ir na reunião do filho na escola, tirar o resto do dia de folga ou simplesmente entrar em imersão em algum retiro e  não pode deixar o negócio parar, um assistente online pode te dar todo o suporte para que seus planos aconteçam. Como? Respondendo emails, cuidados das redes sociais durante a ausência, atendendo as chamadas, pagando as contas, organizando a viagem. As opções são diversas.
  • As tarefas podem ser solicitadas via Whatsaap: rápido e prático. Você envia mensagem com aquilo que preciso resolver pra você. Exemplo: preciso comprar um presente de casamento para uma amiga, resolve pra mim?
  • O contratante não precisa se preocupar com os encargos trabalhista porque um assistente virtual é um prestador de serviços com CNPJ ou seja um microempreendedor individual.
  • Você paga pelo tempo que  precisar, contrata para tarefas/ projetos específicos  ou para serviços contínuos e quando não precisar mais deste help, é só cancelar!

Quem pode contratar um assistente pessoal online?

Médicos, dentistas, psicólogos, fotógrafos, empreendedores, home office, advogados, donas de casa, contadores, artesãos. Qualquer pessoa que precisa de um profissional para ajudar a resolver a rotina diária.

Como pode ver, um assistente pessoal é aquele profissional que pode te dar um help extra em diversos campos de trabalho. Para a atividade fim do seu negócio existe sua expertise e dedicação para todas as outras atividades, conte com um assistente.

Até mais.
Joyce Coeli

Joyce Coeli

Assistente pessoal remoto

social joycecoeliassistentepessoal

instagram joycecoeliassistentepessoal

icon-3468 falecom@joycecoeli.com.br

 

 

 

5 dicas sobre produtividade, criatividade e organização que aprendi esta semana.

5 segundos para mudar.

Recentemente eu assisti um TEDx da Expert em Relacionamentos e Life Coach Mel Robins, e uma das coisas que ela disse e me chamou bastante a atenção. Nós não mudamos porque nos convencemos que estamos bem. E esta é uma das respostas mais mentirosas que existem, porque sempre quando nos perguntam respondemos que estamos bem, mesmo não estando. Precisamos parar de mentir pra  nós mesmos, e diante de uma constatação de mudança, você tem 5 segundos para agir a partir da ideia. Depois disso, deixamos pra lá e nos mantemos naquele conforto que estamos já há bastante tempo. Nos primeiro 5 segundos, haja. Crie a energia necessária para fazer acontecer.

Estes 5 segundos é aquele momento que você tem uma ideia ou vonatde de fazer, mas por algum motivo não age. Quer um exemplo? O efeito soneca. Seu alarme dispara, você desliga e volta a dormir.

O que Mel Robins, orienta é: assim que o relógio despertar, acorde. Pode doer nos primeiros instantes, mas você vai sobreviver e se acostumar com isso.

Num evento teve a ideia de falar com alguém durante o intervalo? Vá até lá assim que tiver o insight. Não pense, apenas crie a motivação.

creative-smartphone-notebook-typography (1)

Porque  procrastinamos?
Segundo  a engenheira, professora e Dra.Barbara Oakley, procrastinamos porque quando temos que fazer algo que não gostamos  o cérebro automaticamente busca uma forma de parar com o estímulo negativo, levando sua atenção para outro ponto, que te cause  prazer e momentaneamente ficamos felizes. Mas há solução: pesquisadores descobriram que logo após começar um trabalho  que não gostamos, esse desconforto neurológico desaparece. Pra te ajudar a concentrar durante um determinado período mas com produtividade, a Técnica Pomodoro, é super indicada. Funciona assim,  de forma bem simplificada, você marca em cronômetro 25 minutos, sem interrupções, com foco total para cumprir a tarefa necessária. Ao final deste 25 min, você para 5 min e relaxa o cérebro, com uma xícara de café, uma conversa ou  acesso nas redes sociais. É como circuito de exercícios intensos seguido de um relaxamento, só que para o cérebro.
O sono é importante.
Durante o sono, de acordo com a Dra. Bárbara, as células do cérebro se comprimem facilitando assim  que o fluído possa se locomover e limpar as toxinas  produzidas no cérebro. Isso ajuda com que tudo que você aprendeu durante o dia ou exatamente antes dormir se condensa em blocos de aprendizagem. Temos chances de assimilar melhor o que aprendemos revisarmos antes de dormir e se sonharmos com o que estamos estudando, aumenta  capacidade de compreender. Durante o sono, parece que  o  cérebro organiza as ideias, e os conceitos da aprendizagem. Dormir não é para os fracos, é para quem deseja ter sua saúde em dia e o conhecimento morando na memória de longo prazo.

 Precisamos de coração = coragem + ação.

No workshop Incendeie seu Gênio Criativo, tivemos acesso a vários insights bem interessantes sobre como desenvolver sua criatividade. E uma destas coisas foi o coraçã0. Na verdade ela falou que você precisa de coragem + ação= coração( eu fiz este joguinho de letras e achei que veio a calhar). Segundo a Bia, uma ideia criativa sem ação não ganha vida. Mesmo com medo, dê pequenos passos diariamente, mas faça algo para que sua ideia criativa saia do papel. Ah! E coloque coração no seu caminho e  busca( além de amor, coragem e ação).
pexels-photo-52910.jpeg
Criatividade não é uma força sobrenatural que atinge poucos.
Murilo Gun sempre fala que não existe criatividade e sim combinatividade ou seja uma combinação de tudo que você aprende, lê, observa, estuda, anota, cria, treina e por aí vai.
Bia Lombardi, diz que criatividade não é uma força sobrenatural que ora dentro de pessoas especiais. O gênio criativo existe dentro de todo mundo, você só precisa alimentar e lascar fogo neste gênio.
Cerque-se de inspirações, esvazie a mente  e anote tudo que puder sem julgamento. Faça uma curadoria dos pensamentos e não invente a roda. Aproveite o que já foi feito, aprenda, continue alimentando seu gênio criativo e mais uma vez coragem+ação = coração.
E mais:
-Leia tudo que puder e quiser – esta leitura pode ser técnica ou por prazer.
-Tenha  board de inspirações no Pinterest ou um quadro físico na sua parede.
-Tenha em mãos algo para anotar sempre : um caderninho ou um app, no meu caso uso o Evernote.
-Geralmente as soluções chegam num momento de repouso neural(  pensamento Difuso) então, as melhores ideias podem vir durante o banho, durante aquele soninho da manhã ou naquele tempinho que está lavando a louça. Corra para anotar assim que puder, porque elas ainda estão na memória de curto prazo e você pode acabar esquecendo alguma ideia.
Até mais!

Joyce Coeli

Assistente pessoal remoto

social joycecoeliassistentepessoal

instagram joycecoeliassistentepessoal

icon-3468 falecom@joycecoeli.com.br

O que aprendi com minha tia sobre pensamento positivo, dinheiro e trabalho, num fim de semana.

Muito se fala em pensamento positivo, seja na hora de arrumar um emprego ou de empreender.

Aprendi desde adolescência os altos e baixos de trabalhar pra você mesmo: acompanhei minha  mãe que é empreendedora, vi  meu tio batalhar pra colocar o  próprio negócio para o mundo  e também estive na plateia torcendo pela  minha tia, que é mãe. Sim,  sempre me lembro de minha tia trabalhando fora para ajudar na casa, antes de se casar. Depois que se casou, vieram os filhos( ou melhor 4 filhos) e na minha adolescência e juventude,  me lembro da minha tia sendo mãe, dona de casa, a melhor cozinheira do mundo e ainda me dava dicas de moda, me arrumava para sair, pra festas de 15 anos, pra desfilar na escola e pra dançar quadrilha( adoro festa Junina, vai saber o porquê, né?).

family-pier-man-woman-39691

Mas por outro lado, minha tia além disso tudo,  sempre fez um “bico” de faxineira ali, de babá aqui, de “moça que faz salgado pra fora” acolá. Já teve um trailer de lanches (o precursor do Food truck), já trabalhou num bar e num trailer de pastel (que não é gourmet, mas é o melhor pastel com caldo de cana de Ubá). Isso é só um pouco do que vi e vejo minha tia fazendo da vida.

O ponto alto de toda esta observação, veio este fim de semana. Os 4 filhos da minha tia já não precisam mais de cuidados, então,  ela decidiu que agora é hora de trabalhar  ainda mais. A filha mais velha precisa de um help para pagar faculdade, a filha do meio vai começar a estudar no Senai e a filha mais nova, dentro de dois anos faz 15 anos e vai ter festa.

Durante o fim de semana, vi minha tia mencionar que precisava pagar uma conta na próxima semana, mas ainda não tinha o dinheiro. E acreditou que até o dia de pagar esta conta, o dinheiro estaria em mãos. Mas meus caros, não bastou acreditar, isso ajuda a te impulsionar para a ação, mas não é tudo. Pensamento positivo funciona, mas não traz o dinheiro para pagar a conta.

Mas como conseguir o dinheiro através do pensamento positivo? Trabalhe!

Na quinta -feira, não vi minha tia reclamar quando uma empregadora ligou para oferecer a ela  um “bico” de babá, no sábado, durante todo o dia.

Na sexta-feira, não vi minha tia recusar uma faxina no domingo de manhã( ela não fez a faxina porque, acredito eu, pesou o fato da família está reunida no domingo, afinal não é só o  dinheiro a faz acordar todos os dias).

E ainda na sexta, minha tia respondeu sim , de bom grado, a alguém que perguntou, se ela ficaria no hospital , como acompanhante, durante a noite caso precisasse.

No sábado, quando terminou o expediente,  e ela voltou do trabalho, a  casa estava lotada de gente pro chá  de fraldas da minha irmã. Com um sorriso no rosto, ela correu pra cozinha, retirou os salgadinhos( que ela fez na sexta),  da geladeira e foi pro fogão fritar, com ajuda de mais duas tias que também nunca vi  recusar um  trabalho.

E no fim, quando o dinheiro foi aparecendo, eu só pensava assim: eu queria ter a sua fé, o seu pensamento positivo, mas péra aí , será que foi só pensamento positivo mesmo?

Até mais!

Joyce Coeli

Assistente pessoal remoto

social joycecoeliassistentepessoal

instagram joycecoeliassistentepessoal

icon-3468 falecom@joycecoeli.com.br

Pessoas, processos e produtos.

Gosto muito de um programa que é exibido no canal History,  que se chama o Sócio. Neste reality show o empresário e investidor Marcos Lemonis, escolhe uma empresa (muitas vezes uma média empresa) e  familiar, que  possa realmente oferecer  ainda, algo mais, ao mercado, mas está afundada em dívidas. Marcos, investe uma grana para salvar estas empresas, mas antes ele precisa conhecer a empresa, as pessoas que trabalham lá, os processos e produtos e só ai ele faz a proposta, porque como o próprio nome do reality diz, ele se torna sócio destas empresas.

São 3 coisas que pesam na hora de decidir: pessoas, processos e produtos.

Ele analisa como estão as condições de todas as pessoas que trabalham na empresa escolhida, como está a motivação, como os funcionários são  valorizados, avalia se realmente está desempenhando as funções inerentes ao trabalho e se está ocupando o cargo correto de acordo com suas competências e capacidade. Pode acontecer de pessoas serem demitidas ou realocadas.

Vou focar em falar sobre pessoas, porque processos e produtos acabam(acredito , eu)  ganhando mais atenção que de fato  os  fazedores de coisas, que contribuem para   que a sua empresa seja orgânica, cresça e funcione.

Sou formada em Gestão de RH, já liderei uma pequena equipe e sei o quanto o foco nas pessoas  pode fazer  toda a diferença. O que eu percebo é que nesta onda empreendedora que se alastra , empresas focam em desenvolver o produto perfeito  e acaba deixando aquele  colaborador da sua linha de frente sem uma preparação, um treinamento para prestar o melhor serviço, vender o produto transformador ou  prestar o suporte encantador. Vamos a um exemplo: você monta um micronegócio de telefonia que  vai oferecer uma solução transformadora para o recebimento de chamadas de empresas. Você precisa de um colaborador  para vendas, para fazer o atendimento de vendas, o pós-vendas, para acompanhar o cliente durante a configuração e contratação, certo? Porém não treina este colaborador, não dá suporte para  que ele faça o melhor atendimento possível, não paga uma salário compatível com o mercado, não oferece suporte interno ao funcionário e por outro lado este funcionário tem uma meta  a ser batida mas sem muita estrutura para tal.

O fato é, que depois de uns meses, o fazedor de coisas da sua empresa vai ficar desmotivado por correr atrás de algo que infelizmente pode estar longe de alcançar. Bom, isso tudo é só minha opinião e o desejo de compartilhar reflexões.

Se você está iniciando o seu negócio e já tem pessoas trabalhando ao seu lado, acreditando no seu sonho e te ajudando a fazer acontecer, comece desde o início valorizando aqueles que o cerca. Comece a pensar em pessoas, processos e produtos talvez nesta mesma ordem, porque sem as pessoas(colaboradores, fornecedores) o seu produto ou processo pode não funcionar.

pexels-photo-70292

Isto é o que eu acredito quando se trata de pessoas dentro de organizações e se  for um micronegócio, que está começando a gente tem a chance de já fazer tudo certo desde o início: foco nas pessoas.

Até mais!

Joyce Coeli

Assistente pessoal remoto

social joycecoeliassistentepessoal

instagram joycecoeliassistentepessoal

icon-3468 falecom@joycecoeli.com.br

Carioquinha viajandão — 6 dicas para se preparar para viagem sem se desesperar.

As Olimpíadas que acontecem no Rio de Janeiro, de 05 a 21 de agosto, promete movimentar a cidade. Turistas e atletas circularão por aqui em números estratosféricos. A ideia do projeto Carioquinha Viajandão é incentivar que os moradores do Rio deixem a cidade nesta época, partindo para lugares mais tranquilos com o intuito que menos pessoas ocupem o Rio de Janeiro.

O projeto Carioquinha Viajandão, promete lugares interessantes com descontos especiais de 15/06 a 30/07, para quem puder deixar a cidade maravilhosa.

Carioquinha

Neste  link  você pode acessar o projeto, conhecer os destinos disponíveis com desconto.

Abaixo, seu separei 3 destinos para compartilhar com vocês.

O Circuito Serrado, tem como hospedagem a Pousada Pouso do Tiê. Pesquisei no Trip Advisor e vi que a pousada tem excelentes avaliações e pude perceber que o lugar é bem calmo, porém longe do centro de Limiar- RJ

Já este, o circuito a experiência será em Penedo e Visconde Mauá. Eu conheço Penedo e se eu pudesse escolher um local para descansar ou fugir da correria com certeza seria lá.

A pousada indicada é Pousada do Lago, que é bem pertinho do Centro comercial de Penedo e é simplesmente um lugar perfeito, com piscina, área verdade e um lago que confere uma vista encantadora. As avaliações do TripAdvisor também são excelentes.

Já para quem prefere praia, Cabo Frio pode ser uma boa escolha. Aqui a hospedagem é no Hotel Malibu e, através de  uma pesquisa no site,  é fácil perceber que o hotel possui uma estrutura bem legal para receber famílias e crianças.

O hotel está localizado na Praia do Forte e também possui excelentes avaliações no TripAdvisor.

summer-still-life-suitcase-in-field-grass-summer.jpg

Como escolher um hotel/pousada e se preparar pata viagem com 6 dicas simples.

  • Antes de fechar um pacote verifique as datas com atenção, para que coincida com a época que você possa viajar.
  • Lembre-se sempre de verificar se o hotel ou pousada possuem estrutura para receber bebês(cozinha, fraldário, atrações), se este for o seu caso.
  • Verifique a localização de onde vai se hospedar, para que não fique muito longe das atrações da cidade e se ficar longe verifique, se existe toda uma estrutura como restaurante e recreação, se caso não quiser sair do hotel com as crianças.
  • Faça um checklist para se organizar, porque bebês precisam de um pouco mais de preparo antes de sair para uma viagem.
  • Arrume a mala do bebê, o quanto antes. Arrume a sua mala o quanto antes. Não deixe para véspera da viagem para não esquecer nada que seja fundamental para seu baby e pra você, é lógico!
  • Delegue o que puder sobre a organização da viagem, você não precisa fazer tudo sozinha.

Abraços,

Joyce Coeli

Assistente pessoal remota

social joycecoeliassistentepessoal

instagram joycecoeliassistentepessoal

icon-3468 falecom@joycecoeli.com.br